Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eu Varufakis porque me apetece!

Sou louco, tenho 47 anos e há na loucura um prazer que só os loucos conhecem.

Sou louco, tenho 47 anos e há na loucura um prazer que só os loucos conhecem.

Nós Homens de facto às vezes conseguimos ser do mais Burro que existe!

Bem meninas, este post era para ter saído na segunda-feira, mas não quis começar a semana a dar-vos razão, por isso protelei para hoje.

A coisa é simples, se não sabem eu digo, irei estar ausente mais uns dias. ( Mas ainda falta, escusam de ficar já em panico!)

Tive o “azar” de dizer isso ao pé de uns amigos e conhecidos e o comentário que mais se ouvi foi… “Ui… vê lá se ela te troca!... Tenho de ir lá tratar dela!” E outros tantos comentários do estilo. A malta anda toda ressabiada!

Não é situação que me afete, até porque aproveito a oportunidade para dizer o meu ponto de vista sobre o assunto, sempre na esperança que alguém me leia e com isso possa pensar na coisa de outra forma.

Algumas regras básicas que eu aplico em relação à infidelidade.

  • Toda a gente é, foi ou será infiel pelo menos uma vez na vida.
  • Não é preciso estares fora de casa para que isso aconteça.
  • Há sempre alguém mais mafioso que tu na praça!
  • Gajos que tiraram o mesmo curso que tu só que já tiveram direito a doutoramento!
  • Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura!
  • Nada é eterno.
  • O - A mulher do meu amigo é homem, é uma treta!
  • Há sempre um amigo que tenta comer a nossa mulher!
  • Hoje a mulher escolhe e se quer nem precisa que lhe batam o coro.
  • Toda a mulher gosta de ser seduzida, ainda que fiquem todas empertigadas e digam que não!
  • Por isso e muito mais, mesmo aqueles que saem de casa às 9 e chegam às 18 estão sujeitos! Ainda que pensem que não!
  • Só se safam os que casaram com as mais gordas e feias do sítio e mesmo esses às vezes… nunca se sabe! Porque também anda por ai muito mamífero feio com vontade!

 


Enfim… este assunto deixou-me chateado e deprimido!


E não é que vou viajar para um pais onde não sequer sei como se pede uma cerveja!!!!

 

Não há condições!

5 comentários

  • Imagem de perfil

    Varufakis 26.05.2015 12:23

    Rita eu digo...é, foi ou será!
  • Sem imagem de perfil

    Rita 26.05.2015 13:47

    Varu eu digo...há, e poderia acrescentar houve e haverá! Eu sei ler e interpretar muito bem.
    Enervam-me muito as modas! E hoje em dia está na moda a infidelidade, que é a mesma coisa que dizer deslealdade. Não digo que os sentimentos não mudem e a vida mude. Mas ninguém mais liga à quebra de compromissos. E depois queixam-se que os políticos são maus. Só se comportam como todos os outros! Não há mal em um casal passar parte do seu tempo livre separado, podem ter gostos diferentes, tem é de haver confiança. E essa confiança não é jurar que nunca nos vamos apaixonar por outro, mas que nunca vamos trair a pessoa com a qual estamos comprometidos enquanto o estivermos ( se tiver sido isso o que se prometeu).
  • Imagem de perfil

    Varufakis 26.05.2015 15:39

    Ritinha, eu sei que sabes.
    Deixa-me que te diga uma coisa por tudo aquilo que sei e vi, não me baseando apenas na minha opinião.
    A infidelidade não é uma coisa dos nossos tempos, já no tempo dos nossos avós e não querendo ir mais longe isso acontecia, quem não conhece exemplos de situações dessas ao extremo de se descobrirem filhos ilegítimos e ou o pai descobrir que afinal não é pai.
    Aqui abre mais um tema que é OS TESTES DE ADN deviam de ser obrigatórios! :)
    No entanto há pessoas que de uma forma ou de outra resistem à infidelidade mantendo-se à tona, no entanto na grande maioria dos casos ela acontece nem que seja uma vez.
    Depois aqui existem vários motivos que podem ter levado a que tal acto tenha sido cometido.
    Não quer isto dizer que as pessoas são piores ou melhores!
    Quanto às promessas, de boas intenções está o inferno cheio.
    A diferença é que as mulheres tem como inato a capacidade de fingir que não se passa nada e o homem é muito mais espalha brasas!
    Beijinho minha querida (sem segundas intenções!)
  • Sem imagem de perfil

    Rita 26.05.2015 16:41

    Podes ter as intenções que queiras, não me preocupo em demasia com o que se passa na cabeça dos outros, chamar-me de minha querida é que não! Podes até chamar coisas piores, mas minha querida é muito queque para o meu gosto. Quanto ao tema já sei que sempre houve e haverá, o que eu disse é que está na moda. Até se faz publicidade a sites na net para quem quer ser infiel só no faz de conta, porque se tornou um "must-have" igual ao iPad e às unhas de gel. Quanto às diferenças entre homens e mulheres não são assim tantas. Todos querem aceitação e notoriedade. Enquanto as mentalidades não mudarem os homens gabam-se para parecerem melhores que os outros e as mulheres escondem para parecerem melhores que as outras. O resto dos assuntos deixo para discutir noutra ocasião. Dois beijos Varu (um em cada face)
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.