Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eu Varufakis porque me apetece!

Sou louco, tenho 45 anos e há na loucura um prazer que só os loucos conhecem.

Sou louco, tenho 45 anos e há na loucura um prazer que só os loucos conhecem.

O Varu Politico!

A propósito de mais um assunto quente da nossa vida politica aqui o bicho entende que isto é tudo uma cambada de filhos da puta que só está bem a foder a malta!


Fui demasiado ordinário?


Eu penso que fui, mas também sei que por mais que me esforce não consigo ser tão ordinário como eles.


Sou de origens humildes, quer a nível de posses que ao nível da personalidade, nada que se compare à minha condição atual, pois sou um arrogante e convencido da merda, continuo é pobre, mas isso não conta para nada.


Em toda a minha vida só participei em 2 manifestações, uma foi na década de 70 onde a fábrica onde ambos os meus progenitores trabalhavam esteve meses e meses a fio sem pagar os vencimentos aos seus trabalhadores, a situação era de catástrofe social, fui por arrasto de mão dada ali sem saber muito bem o que era um bife.


A segunda foi assim já na idade adulta e porque de facto senti que o que se estava a passar e o que se pretendia fazer já ultrapassava os limites.


O varu esteve presente naquela que foi a maior manifestação espontânea e apartidária da história da nossa nação.


Quando o governo do coelho quis baixar a TSU.

Podem vir com mil e um argumentos que poderá promover a competitividade das empresas portuguesas, que irá estimular o emprego que isto e que aquilo "QUESaFODA!"


Eu sou um gajo de factos, e o facto é que nas últimas 2 empresas em que trabalhei, ambas me foderam e ambas ficaram a dever à Segurança social uns quantos milhares de euros.


Reduzir algo que seja ficar com o dinheiro do outro em benefício de alguém não é de todo a decisão mais acertada.


Há que encontrar elementos que possam promover de facto a nossa competitividade e produtividade, juntando não só a eficiência dos recursos mas acima de tudo promover a eficácia dos mesmos.


Por isso, não percebendo eu nada de política, tenho de admitir que percebo de enrabanços e como tal, a sério prefiro deixar na minha mão o desejo se quero ou não ser enrabado!


E PRONTUSSSS DE MANEIRAS QUE É ASSIM!

9 comentários

Comentar post