Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eu Varufakis porque me apetece!

Sou louco, tenho 45 anos e há na loucura um prazer que só os loucos conhecem.

Sou louco, tenho 45 anos e há na loucura um prazer que só os loucos conhecem.

O Varu PIca!

Cada vez gosto menos da Humanidade, apesar de gostar mesmo muito de gajas mas é só mesmo para coiso e tal, nada mais!


Até porque mesmo as gajas andam todas flipadas da cabeça e aqui o Varu não tem pachorra para grandes teorias das alimentações, animais, romantismos e afins.


No entanto nem todos os males que assolam o mundo são originados por gajas, são também culpados os gajos que vivem com essas gajas, ou que foram parte integrante daquilo que foi a conceção de um filho, neste caso não tinha de ser particularmente um homem. Porque qualquer frasco já faz essa função.


Numa altura em que todos dizemos que os laboratórios farmacêuticos já descobriram as vacinas para todas as grandes doenças como o cancro e essas coisas, que são eles que não as colocam no mercado, porque ganham mais dinheiro a comercializar profiláticos sem qualquer tipo de impacto na cura do doente, mas que dão aquilo que é preciso, ou seja dinheiro!


Depois, somos um ser tão burro que não usamos as que temos ao dispor.


Portugal fez um esforço enorme para criar um plano nacional de vacinação, até tinha aquela cena do adesivo na pele antes da época balnear, confesso que essa nunca fiz e sempre achei estranho, no entanto a minha progenitora sempre me mandou fazer todas as vacinas e depois a mais-que-tudo confirma se eu tenho tudo em dia ou não, deve de ser por causa da raiva acumulada e o perigo de eu morder alguém.


Não concebo, não aceito que em pleno seculo XXI alguém coloque a vida de um filho em perigo, por não aceitar o que praticamente é de borla, se não mesmo de borla, pelo menos as que fazem parte do plano nacional, o resto ai sim, já faz parte da escolha dos pais, por exemplo eu vacinei as crias contra a hepatite por nossa escolha como pais.


Infelizmente hoje morreu uma miúda vítima de Sarampo, uma doença que já fora erradicada e que agora está a voltar, por absoluta ignorância e falta de respeito de algumas pessoas, por alguém que não se sabe defender.


Talvez as mesmas pessoas, que inscrevem um filho num clube, sem ele sequer ter tido direito à escolha, ou que o batizam ou até quem sabe na pior das hipóteses já o prometeram em casamento!


Vão se foder pá!


E prontus de maneiras que é assim, vou tomar um café sem açúcar alguém quer?

 

2 comentários

Comentar post